Início ESPORTS CS: GO Técnico da MIBR, Dead comenta má fase da equipe no CS:GO

Técnico da MIBR, Dead comenta má fase da equipe no CS:GO

Não é novidade para nenhum torcedor brasileiro de Counter Strike: Global Offensive (CS:GO) que a MIBR vem passando por uma fase com escassez de vitórias. Apesar de vitórias pontuais contra times como HellRaisers e Gambit Youngsters, o quinteto brasileiro vem de uma série de derrotas e, neste domingo (30) o atual técnico da equipe Ricardo “dead” Sinigaglia respondeu perguntas dos torcedores em uma transmissão ao vivo na Twitch.

Leia também:

Na sessão de perguntas e respostas, mediada pelo embaixador da MIBR Guilherme “GuizaO” Kemen, Dead foi enfático ao pontuar diversas vezes que a MIBR tem uma boa performance nos treinos, mas, que nos jogos, a equipe não consegue colocar em prática o mesmo desempenho. Ainda que a MIBR treine com times do 1º ao 35º lugar no ranking mundial, “treino é treino e jogo é jogo”, destacou o atual técnico da equipe.

Siga o The Squad no Twitter e fique por dentro das novidades!

Quando perguntado sobre a busca por um treinador, Dead afirmou que a MIBR não terá um treinador ao menos por enquanto e que a equipe chegou a negociar com dois analistas, mas que a negociação não evoluiu.

Dead também comentou que “o fato de não conseguirmos manter uma line-up por mais de quatro meses” é um fator decisivo para a falta de resultados nos últimos dois anos, mas que agora o time está feliz com a esta composição de jogadores e que não deve mudar tão cedo. Ainda sobre a line-up, Dead comentou que o time não pensa no disband: “não vamos desistir tão fácil, isso eu garanto”.

mibr
Elenco atual da MIBR: trk, kngv, FalleN, TACO e fer. Imagem: MIBR/Reprodução

Um ponto que a torcida comentou bastante foi sobre os comentários dos ex-técnicos da MIBR, Zews e YNk, que citaram “problemas de cultura enraizados“. Sobre isto, Dead afirmou: “eu nunca vi algum tipo de problema enraizado. Eu vejo a gente tentar, até em nível pessoal, resolver todos os problemas possíveis com conversas e reuniões de time. […] Eu agradeceria se eles [Zews e yNK], durante o tempo que estavam aqui, tentassem ajudar em grupo a resolver o problema também. […] Peço desculpas a ele [Zews] porque a gente não conseguiu resolver o problema que ele identificou, mas talvez não conseguiu transcrever”.

Outro tópico importante foi sobre os mapas que a MIBR joga. Neste quesito, Dead destacou que falta um “mapa da casa”, onde os jogadores se sintam confortáveis e que os adversários se sintam desconfortáveis em jogar contra a MIBR. Ainda, afirmou que a equipe vai começar a treinar a Nuke a partir de amanhã. Este mapa sempre foi banido pela antiga SK-Gaming e essa tradição foi mantida na MIBR. Somando as partidas da SK-Gaming e da MIBR, a Nuke foi jogada 24 vezes desde junho de 2016, com 10 vitórias e 14 derrotas.

Dead finalizou a entrevista dizendo que a MIBR “não é o melhor, mas é o maior“. A entrevista completa estará disponível no YouTube.

Kahlil Schwanka Salome
Redator de esports no The Squad e doutor em Química que divide esta paixão com a paixão pelos esportes eletrônicos. Me segue no twitter novo!

Técnico da MIBR, Dead comenta má fase da equipe no CS:GO

Várias dúvidas dos fãs foram esclarecidas pelo técnico.

Sony deseja lançar mais jogos first-party para PC em breve

Mais jogos devem seguir o exemplo de Horizon Zero Dawn.

Marvel’s Avengers, Tony Hawk e mais: confira os lançamentos da semana

O mês de setembro começa com três grandes títulos.

CPT Online: Smug é campeão da última etapa Leste dos EUA

Smug é uma das figuras favoritas da comunidade.