Na madrugada deste domingo (27), a SG Esports conseguiu um grande feito pela segunda vez na história do Dota 2 brasileiro. A equipe venceu a qualificatória sul-americana para o The International 10, campeonato mundial de DotA 2 que deve acontecer na Europa de 5 a 15 de agosto.

A caminhada da SG começou na OGA Cup, onde a equipe ficou na terceira colocação e ganhou 200 pontos do DPC. Com essa pontuação, a SG foi convidada para a qualificatória sul-americana em que 12 times disputaram pela vaga no mundial. Após vencer três jogos (2-1 contra Binomistas, 2-0 contra EgoBoys e 2-0 contra Infinity), a SG jogou a Grande Final contra a peruana Team Unknown e venceu por 3-1, sagrando-se campeã e garantindo a vaga.

Leia também:

sg e-sports
SG Esports garante vaga no campeonato mundial de DotA 2. Foto: Divulgação/Valve

A partida

A série começou com uma vitória da Team Unknown por 34-17 em 37 minutos. A SG apostou em um Axe do Costabile na posição 1, que acabou não funcionando contra a Spectre do Angel.

Siga o The Squad no Twitter e fique por dentro das novidades!

A partir da segunda partida, só deu SG. No segundo jogo, a equipe brasileira teve bastante trabalho para derrubar o tri-core da Unkown com Bristleback, Centaur Warrunner e Medusa, mas o Slark do Costabile deu conta do recado. Com uma grande partida de ADR com seu Magnus, a SG conseguiu isolar a Medusa nas brigas e, assim, vencer o jogo.

Na terceira partida, para a surpresa dos espectadores, a SG novamente apostou em um Axe na posição 1 e dessa vez deu certo contra a Spectre do Angel, ambos apresentados já na primeira fase de picks. A SG manifestou um Dota entrosado e conseguiu dominar o jogo, finalizando em 57 minutos com placar de 42 a 32.

Momentos finais do último jogo da série SG Esports vs Team Unknown

A última partida foi a mais disputada, mas a Unkown não conseguiu responder à Medusa do Costabile e ao Timbersaw do tavo. Com bons controles de Lion (KJ), Nyx Assassin (Thiolicor) e Batrider (ADR), a SG conseguiu superar a Unkown em uma partida de 44 minutos com placar de 32-31.

Com este resultado, a SG Esports está classificada para o The International 10. Essa é a segunda vez em dez edições que um time brasileiro participa do campeonato. A primeira vez foi em 2018 com a equipe da paiN Gaming, quando os brasileiros não passaram para os playoffs com cinco empates e três derrotas.