Início ESPORTS CS: GO Gamers Club promove Pride Cup, campeonato showmatch destinado à comunidade LGBTQIA+

Gamers Club promove Pride Cup, campeonato showmatch destinado à comunidade LGBTQIA+

Comemorando o mês da diversidade, a Gamers Club realizará até o dia 12 de julho a Pride Cup. O campeonato showmatch pretende dar voz e visibilidade para a comunidade LGBTQIA+ no cenário de CS:GO. A Pride Cup foi organizada pelo Comitê de Diversidade da Gamers Club em parceria com Olga, a primeira jogadora transsexual profissional de CS:GO, atualmente atuando pelo time feminino da Black Dragons.

Veja também:

Pride Cup
Gamers Club promove diversidade com realização da Pride Cup em apoio à comunidade LGBTQIA+. Foto: Divulgação/Gamers Club

O campeonato de CS:GO conta com trinta e cinco jogadores da comunidade LGBTQIA+, divididos em sete times que jogarão uma fase de grupos. As duas melhores equipes de cada grupo disputarão a semifinal e eventualmente a final no dia 12 de julho, que contarão com transmissão oficial pelos canais da Gamers Club de Counter-Strike.

Além disso, a transmissão no dia 12 terá arrecadação de doações para a Casa1, que é uma ONG que acolhe jovens da comunidade LGBTQIA+ entre 18 e 25 anos em situação vulnerável que foram expulsos de casa devido à própria orientação sexual e identidade de gênero.

“O Pride Cup tem como intuito dar visibilidade a uma minoria que não tem o destaque necessário dentro da comunidade de esports, mostrar que essas pessoas têm habilidade, tem voz, são talentosas e juntas somam para fortalecer sua própria comunidade. Foi emocionante trabalhar este projeto junto a comunidade LGBTQIA+, entender um pouco mais de suas necessidades e como nós da Gamers Club podemos ajudar nessa causa”, afirmou Rafaela Arnoldi, integrante do Comitê de Diversidade da Gamers Club.

Gustavo Lima
Jornalista, músico e professor de inglês as vezes. Sim, meu nome é Gustavo Lima e eu sou o único que existe, se você viu outra pessoa com esse nome se trata de um farsante.

Brasil fica de fora de teste técnico de Hyper Scape, novo Battle Royale da Ubisoft

Apenas América do Norte e Europa têm acesso ao jogo.

VALORANT passa a exibir mensagem quando jogador reportado é punido

As denúncias dos jogadores não são em vão.

Outriders – Campanha principal terá de 25 a 30 horas de duração; veja novidades

O game também não terá modo PvP no lançamento.

Crash Bandicoot 4: It’s About Time não terá microtransações

O game será lançado em outubro com dublagem em português.