Ao que tudo indica, as gravações de Black Panther: Wakanda Forever devem ser adiadas por causa de Letitia Wright, a intérprete de Shuri na Marvel Studios. De acordo com o The Hollywood Reporter, as filmagens da sequência podem atrasar pois a atriz se recusa a tomar a vacina contra a COVID-19.

Veja também:

Letitia Wright
De acordo com fontes do THR. Letitia não tomou a vacina contra a COVID-19. Foto: Reprodução/Marvel Studios

Em agosto deste ano, Wright se machucou nos bastidores da produção. Apesar do incidente ter sido considerado leve, ela retornou ao Reino Unido — local em que tem cidadania — para tratar os ferimentos. O problema é que o set do longa-metragem fica em Atlanta, nos EUA, e aqueles que não possuem cidadania americana precisam apresentar um comprovante de vacinação para entrar no país, o que é o caso dela.

Apesar de não haver nada confirmado, as fontes do site informam que Letitia não está vacinada e que ela não quer tomar a vacina. Entretanto, de acordo com o representante da artista, ela ainda não retornou para os EUA porquê ainda está se recuperando do acidente. Com isso, as gravações de Pantera Negra: Wakanda Forever devem retornar apenas no início de 2022.

Siga o The Squad no Twitter e fique por dentro das novidades!

Mesmo com o incidente, o diretor Ryan Coogler conseguiu gravar as cenas do filme que não exigem a presença de Shuri. Aparentemente, para o longa-metragem passar para a fase de pós-produção, só faltam as cenas com a personagem.

Além de Letitia Wright, outros atores já questionaram a eficácia da vacina e também comentaram que não iriam tomá-la. Esse tipo de comportamento dificulta os sets de gravações nos EUA, pois o intuito é criar ambientes seguros para todos. Com alguns membros recusando a vacina, a situação fica um pouco complicada para as produções.