Depois de um alarme falso no lançamento dos novos iPads, a Apple revelou oficialmente a linha iPhone 12 em transmissão ao vivo nesta terça-feira (13). Confirmando os vazamentos, a linha conta com suporte à rede 5G e é composta também pelo iPhone 12 Mini, iPhone 12 Pro e iPhone 12 Pro Max por preços que partem dos US$ 699 — aproximadamente R$ 3.893 em conversão direta. Confira, a seguir, todas as novidades do evento de revelação do iPhone 12.

Veja também:

Homepod Mini

A apresentação teve início com o novo integrante da família de homepods, o Homepod Mini. Bob Borchers o apresentou como um aparelho criado com preocupação no desempenho da acústica.

Parece bastante com os novos Echo. Fico imaginando se isso é coincidência. Foto: Divulgação/Apple

Ele vem com um chip S5 embarcado que, combinado com a construção elaborada, entrega uma experiência de áudio que mistura as capacidades do hardware com trabalho de software para entregar a melhor experiência possível.

Graças ao chip U1 de Banda Ultralarga, o Homepod Mini reconhece quando seu iPhone está por perto e já disponibiliza interações. Juntamente com a Siri, os usuários conseguem uma interação sem toques de qualquer lugar da casa.

Só de aproximar o celular do Homepod já aparece uma notificação na tela pra interagir. Foto: Divulgação/Apple

A Siri consegue diferenciar as vozes dos diferentes moradores da casa e tem concepção de contexto mandando as informações que você precisa pro lugar mais útil, como a localização de uma loja pro Carplay quando você pergunta onde a mais próxima está.

A apresentação ainda deixou a par de um sistema de intercomunicação que funciona com todos os dispositivos Apple, incluindo Apple Watches e Carplay. O novo homepod estará disponível nas cores branco e cinza pelo preço de US$ 99 — R$ 552,01 em conversão direta.

Siga o The Squad no Twitter e fique por dentro das novidades!

iPhone 12

Depois de uma breve explicação dos benefícios das redes 5G no consumo de mídia e de como isso mudará a maneira que nós consumimos conteúdo na internet, o iPhone 12 foi anunciado oficialmente como o primeiro smartphone da companhia com suporte à tecnologia.

O primeiro iPhone a ser lançado com suporte a redes 5G. Foto: Divulgação/Apple

Tela

O aparelho chegará aos consumidores nas cores preto, branco, vermelho, verde claro e azul escuro. O LCD dá seu aparente suspiro final no SE e agora todos os aparelhos possuem OLED com uma nova tecnologia no vidro chamada Ceramic Shield.

Processador

O processador, como já era de se esperar, é o A14 Bionic, o primeiro processador para smartphones criado com a arquitetura de 5 nanômetros com 6 núcleos de CPU, 4 de GPU, 16 para tarefas relacionadas à IA e aprendizado de máquina.

As opções de cores mais variadas na versão básica mantêm o padrão dos anos anteriores. Foto: Divulgação/Apple

Uma parceria com a Riot Games e League of Legends: Wild Rift mostrou não apenas a capacidade do novo iPhone como também deu base de comparação do desempenho do novo chip A14. Comparativos detalhados certamente chegarão em breve.

Câmeras

O novo iPhone 12 tem uma câmera ultrawide com 12 MP, abertura de 2.4 e campo de visão de 120 graus, além de uma wide comum com os mesmos 12 MP, abertura de 1.6 e estabilização óptica de imagem.

iphone 12
A nova câmera do sensor principal tem 7 elementos que melhoram a qualidade de imagens noturnas. Foto: Divulgação/Apple

O modo de visão noturna foi expandido para todos os sensores. Isso significa que, além do sensor principal, também será possível tirar uma foto grande angular ou até mesmo uma selfie em ambientes pouco iluminados e aproveitar as vantagens do Night Mode.

MagSafe

O conceito já existia com imãs em locais estratégicos em outros aparelhos como o iPad e agora foi implementado no iPhone para melhorar os resultados do carregamento sem fio e o encaixe de acessórios compatíveis, tais como capas e carregadores sem fio.

iphone 12

Além dos acessórios criados pela própria Apple, aparentemente outras grandes empresas do ramo já estão trabalhando em carregadores sem fio para a nova leva de smartphones apresentada no evento.

Carregadores

Outra tendência não tão bem vinda que começou com o lançamento dos iPads foi a retirada do carregador da caixa dos produtos da Apple. De acordo com a empresa, a decisão visa preservar o meio ambiente e reduzir a emissão de carbono.

Caixa menor. Os vídeos de unboxing vão deixar de fazer sentido. Foto: Divulgação/Apple

A falta de fones e carregador na caixa faz com que ela seja muito menor e, ainda de acordo com a empresa, isso representa até 70% mais produtos por palete, otimizando o seu transporte. O cabo Lightning USB-C estará incluso na embalagem, mas os demais itens devem ser reaproveitados dos aparelhos antigos ou adquiridos à parte.

Na Apple Store do Brasil, tanto o carregador USB-C de 20w como o fone de ouvido EarPods, com entrada de 3,5 mm ou Ligtning, custam R$ 219 e representam um gasto adicional de R$ 438.

iPhone 12 Mini

Para os amantes de celulares compactos, a Apple colocou em prática a ideia de fazer um iPhone menor. A diferença é que, apesar de ser menor e mais leve que um iPhone SE, o iPhone 12 Mini tem os mesmos atributos do iPhone 12 padrão.

iphone 12
Admito que se não custasse um rim eu comprava um. É bonito demais. Foto: Divulgação/Apple

Além de ser menor e mais leve, o iPhone 12 Mini tem uma área de tela maior que a versão SE. Na prática, a única diferença na hora de escolher entre um desses e o 12 padrão realmente será o tamanho que deixar o consumidor mais confortável.

Os preços praticados serão de US$ 699 (R$ 3898,67 em conversão direta) pela versão mini e US$ 799 (R$ 4456,42 em conversão direta) pela versão padrão.

iPhone 12 Pro e Pro Max

Aqui a mudança começa pelas cores. Com um visual mais sóbrio, os iPhones 12 Pro virão nas cores prata, grafite, dourada e azul, batizada de Pacific Blue.

iphone 12
As cores metalizadas da versão Pro dão um visual sóbrio e o azul é lindo. Foto: Divulgação/Apple

Além da mesma tela e câmeras já apresentadas no iPhone 12 com as devidas adaptações do tamanho de 5,8 para 6,1 polegadas na versão Pro e de 6,1 para 6,5 polegadas na Pro Max, o iPhone 12 Pro também ganhou uma lente telefoto com abertura 2.0, zoom óptico de 4x e estabilização óptica de imagem.

Software

A tecnologia Sensor Shift auxilia na redução de efeitos das vibrações no uso da câmera e o novo Apple ProRAW traz benefícios para o processamento de múltiplos frames e fotografia computacional no formato de arquivos RAW.

Arquivos RAW são um padrão bastante conhecido pra quem trabalha com fotografia. Foto: Divulgação/Apple

Já o Pro Video empurra as capacidades do iPhone além dos limites já impressionantes entregues pelo aparelho para permitir que o usuário faça gravação de vídeos em HDR e com tecnologia Dolby Vision a 4k e 60FPS.

Também será possível editar esses arquivos pesados diretamente no aparelho, algo que, de acordo com a apresentação, só era possível anteriormente em estúdios e usando equipamentos específicos.

Lidar

Esse sensor é novidade nos iPhones, mas já havia sido demonstrado no novo iPad Pro. Ele auxilia na localização espacial do aparelho e tem grande impacto no uso com aplicações desde realidade artificial a aplicações mais práticas, como um foco mais rápido na hora de tirar fotos e gravar vídeos.

iphone 12
Lidar não é exatamente uma novidade mas no iPhone é uma adição que só chegou este ano. Foto: Divulgação/Apple

O foco chega a ficar seis vezes mais rápido mesmo em ambientes com pouca iluminação em que o sensor geralmente tem mais dificuldades de encontrar contornos e pontos-chave para escolher a melhor distância de foco.

O iPhone 12 Pro terá preços a partir de US$ 999 (R$ 5564,13 em conversão direta), enquanto a versão Pro Max sairá por US$ 1099 (R$ 6121,10 em conversão direta). As datas de lançamento e pré-venda serão diferenciadas.

iphone 12
Sem iPhones novos pra ninguém pelo menos até o dia 23 de outubro. Foto: Divulgação/Apple

Os modelos 12 e 12 Pro entrarão em pré-venda a partir do dia 16 de outubro com lançamento no dia 23 de outubro, enquanto o iPhone 12 Mini e o Pro Max começam a pré-venda no dia 6 de novembro e terão o lançamento no dia 13 de novembro. Ainda não há uma previsão para a chegada dos aparelhos ao mercado brasileiro.