A Microsoft levou Minecraft Dungeons para o público testar durante a Brasil Game Show 2019. Embora Minecraft seja uma franquia mundialmente conhecida e que fez muito sucesso entre públicos de todas as idades, o novo jogo é um spin-off e busca inspiração no gênero Dungeon Crawler — tal como Diablo — para poder criar uma aventura totalmente inédita.

Veja também:

Diferente de seu “pai”, Dungeons deixa de lado as mecânicas que o transformaram no sucesso que é hoje — o “Mining” e “Crafting” — e foca numa experiência de exploração e aventura, repleta de armadilhas e inimigos. O game permite um multiplayer cooperativo para até quatro pessoas e, diferente de outros Dungeon Crawler, não possui um sistema de classe.

Os jogadores poderão modificar os seus equipamentos e armas em qualquer momento do jogo. Por exemplo: eu joguei com um personagem que era um guerreiro na demonstração, mas eu poderia mudar e começar a jogar como mago. Este é o interessante de Minecraft Dungeons: ele é um game destinado a jogadores iniciantes que nunca tiveram contato com o gênero. Ele é um jogo fácil de entender e sua gameplay é muito intuitiva.

Sua jogabilidade consiste em ataques leves e pesados com armas de curto alcance, como uma espada, e ataques à longa distância com arco e flechas. Há ainda a habilidades de invocar um companheiro animal para ajudar no combate, poções para recuperar vida e um totem que invoca uma esfera de proteção para o jogador. Nas masmorras, existem baús que podemos abrir e que podem conter itens, armas e esmeraldas que usamos para trocar e melhorar os equipamentos.

À medida que avançamos nas masmorras, os inimigos surgem em maior quantidade, dificultando o gameplay. O jogador deve adotar uma estratégia, caso ao contrário morrerá fácil e rapidamente. É muito fácil de se perder no cenário, uma dica é sempre andar com algum outro jogador, e, caso se perca, existem duas maneiras de contornar essa situação: a primeira é se teletransportar até um outro player e a outra é utilizar o mini-mapa.

Diferente de Minecraft, Dungeons terá um enredo. Nele, um personagem se sente traído pela sua vila e a abandona, tornando-se um renegado. Durante o seu tempo como nômade, ele encontra uma fonte de poder em uma masmorra e acaba abusando dela. Com sentimento de vingança, o personagem retorna ao seu antigo lar e inicia uma onda de ataque. Um grupo de guerreiros então se reúne para derrotar esta nova ameaça chamada Arch-Illager.

Minecraft Dungeons é uma grande aposta da Mojang que pode fazer um enorme sucesso. Os jogadores do original devem dar uma chance e principalmente ter a noção de que é uma proposta diferente do que eles conhecem. O mesmo vale para aqueles que consideram que o jogo seja muito infantil: é preciso entender que é uma visão totalmente inédita do game de blocos.

Minecraft Dungeons será lançado em 2020 para Xbox One, PS4, PC e Nintendo Switch. Como ele é um jogo de um estúdio da Microsoft, também estará disponível via Xbox Game Pass assim que for lançado.

Foi revelado também que o jogo terá cross-play entre Xbox One e PC. No futuro, ele poderá oferecer partidas entre os jogadores do PlayStation 4 e Nintendo Switch também.