Moving Out foi uma grata surpresa lançada para Nintendo Switch, PlayStation 4 (PS4), PC e Xbox One diretamente no Xbox Game Pass. Vindo na onda do recente sucesso de Overcooked, Moving Out traz a diversão e loucura de fazer mudanças arremeçando os móveis pelas janelas e passando pelos mais diversos cenários em uma cidade cujo prefeito está ocupado — em outras palavras, viajando. Veja, a seguir, a proposta do game e o review com os seus pontos positivos e negativos.

Veja também:

Atendendo o chamado do misterioso

Moving Out
É por esse mapa que escolhemos o próximo estágio a jogar

Você e sua equipe de trabalho atende uma ligação do cliente misterioso e sai pela cidade para ajudar com as mudanças que estão acontecendo pelos arredores. O objetivo é transportar todos os móveis e objetos marcados para dentro do caminhão de mudança dentro do tempo estipulado.

Depois de feito, os jogadores são avaliados com medalhas de bronze, prata ou ouro dependendo do tempo que a tarefa foi feita. Alguns objetivos opicionais dão estrelas que ajudam a destravar níveis opicionais de desafios.

Siga o The Squad no Twitter e fique por dentro das novidades!

Moving Out é sobre transportar bobagens – digo, bagagens

Jogatina cooperativa

95% da minha experiência com o jogo foi jogando cooperativamente com dois jogadores e não poderia ter sido mais divertido. Nos controles, utilizamos o analógico para controlar os personagens, o gatilho direito para segurar os móveis e, no caso do Xbox One, ‘X’ para arremessar.

Temos de mover todos os tipos de móveis como camas, geladeiras, sofás, cadeiras, brinquedos e até mesmo galinhas. Só com esses simples movimentos, o game expande com conceitos de gravidade, referências a jogos clássicos como Frog e brincadeiras com diferentes tipos de superfícies, tais como a “lava de goiaba” e escadas repletas de neve.

Galhofa de qualidade

Moving Out
Fase baseada na game clássico Frog

A tradução para PT-BR do game é incrível. Mesmo com história simples, servindo só para pano de fundo, as piadas a todo momento tiram gargalhadas com piadas que todas as faixas etárias vão curtir.

No início, comparei Moving Out com Overcooked somente como parâmetro para games com temática do dia a dia, mas, em Moving Out, a desenvolvedora DevM Games conseguiu simplificar o jogo a ponto de jogadores com níveis diversos consigam aproveitar o game.

Moving Out
Pessoalmente um dos estágios que mais me deu trabalho

Minha experiência coooperativa foi com minha mãe, que adorou esta aventura pois ela conseguia ajudar e cooperar no progresso da jogatina. O game funcionou incrivelmente bem, rodando com uma taxa de quadros estável, e só tive um problema com bugs relacionados ao meu personagem ficar preso entre um arbusto e um carro.

Para quem é Moving Out?

Moving Out
Um casual churrasco com um piano

Moving Out é um game perfeito para jogar em um grupo com até quatro jogadores de todas as idades. Ele engraçado pela sua proposta, simpático pelo seu estilo visual e personagens e muito acessível, tanto pelo seu preço como também pelo fato de qualquer pessoa conseguir jogar e se divertir. Caso o jogador esteja na carência de jogos mais carismáticos para passar o tempo com amigos, esta com certeza é uma excelente pedida.

REVER GERAL
Jogabilidade
9
Trilha sonora
7
Gráficos
8
Diversão
10
Artigo anteriorCBLoL: Pain e FURIA levam clássicos e PRG volta a vencer
Envolvido na industria dos jogos desde o berço, estudante de lingua coreana. Interessado em cinema, tecnologia e sobretudo games.