Em um novo relatório corporativo, a Sony manifestou interesse em investir no lançamento de mais jogos first-party para PC seguindo o sucesso de Horizon Zero Dawn e Death Stranding. Ambos os jogos foram lançados exclusivamente para PlayStation 4 (PS4) originalmente, mas receberam suas adaptações para PC mais tarde. Segundo a empresa, a ideia desta metodologia é aumentar a rentabilidade dos seus produtos.

Saiba mais:

sony pc
Demon’s Souls é um dos próximos exclusivos da Sony que os fãs gostariam de ver no PC. Foto: Divulgação/PlayStation Studios

A empresa também cita a competição de jogos online e até de outras indústrias que estão presentes nos computadores. Isso significa que ela deseja atingir um novo público que é fiel aos PCs e que provavelmente não comprará os seus consoles para jogar exclusivos, aproximando-se da metodologia que a Microsoft adota já há alguns anos com os títulos do rótulo Microsoft Studios.

Siga o The Squad no Twitter e fique por dentro das novidades!

No mesmo relatório, a Sony também alegou que uma das suas principais missões é acelerar o lançamento de “exclusivos de grande qualidade” para o PlayStation 5 (PS5), que deve chegar ao mercado no final de 2020. O objetivo é reforçar as suas propriedades intelectuais, aumentar o valor da marca e expandir comunidades e a interação dos seus usuários.

A empresa reconhece que a qualidade exige tempo e esforço, então esta decisão forçará a empresa a melhorar as suas capacidades de desenvolvimento. No momento, jogos como Spider-Man: Miles Morales e Ratchet & Clank: Rift Apart são alguns dos jogos previstos para a janela de lançamento do PlayStation 5 (PS5). O evento de junho dedicado aos jogos do console também revelaram a vinda do remake de Demon’s Souls e Horizon Zero Dawn 2, que seguem confirmados apenas para o console de nova geração.