Anunciada em 2019, a nova versão de League of Legends (LoL) para dispositivos mobile e consoles, chamada de Wild Rift, já tem informações sobre data de lançamento, requisitos mínimos e detalhes da gameplay revelados. O jogo promete adaptar a experiência do moba competitivo para os celulares, mas, para isso, a sua fórmula teve de ser refeita desde o início, com direito a um novo motor gráfico para oferecer visuais ainda mais bonitos. Confira, a seguir, tudo o que você precisa saber sobre o League of Legends: Wild Rift.

Leia também:

wild rift
League of Legends (LoL) receberá versões para celulares e consoles até o fim de 2020. Foto: Divulgação/Riot Games

Data de lançamento

A data exata de lançamento ainda não foi divulgada, mas ele estará disponível para dispositivos iOS, Android e consoles, que ainda não foram especificados. De acordo com a Riot Games, o Wild Rift será lançado em 2020, mas ainda não tem uma data definida. É possível se cadastrar para receber mais informações e participar do beta aberto no site oficial do jogo. Também há a opção de fazer o pré-registro para o LoL mobile diretamente na página do aplicativo Wild Rift na Google Play Store e receber todas as notícias sobre o game.

Siga o The Squad no Twitter e fique por dentro das novidades!

Requisitos de sistema

De acordo com as informações do site oficial do Wild Rift, os requisitos mínimos para rodar Wild Rift nos dispositivos móveis são os seguintes:

Android:

  • Processador Qualcomm Snapdragon 410
  • GPU Adreno 306
  • 1,5 GB de RAM

iOS:

Já para usuários de iOS, a desenvolvedora revelou que o Wild Rift funcionará em aparelhos lançados a partir do modelo iPhone 6. Porém, estes requisitos ainda são estimativas e não estão totalmente definidos.

Gameplay

O Wild Rift promete trazer diversas similaridades com o LoL, mas a Riot destaca que o jogo foi construído totalmente do zero com modelos e animações novas. Ainda, a desenvolvedora afirmou que jogadores que dedicaram bastante tempo ao LoL para PC ganharão recompensas no Wild Rift. Detalhes sobre as recompensas ainda não foram revelados.

As partidas serão mais curtas, com média de 15 a 20 minutos de duração, e os principais elementos do LoL para PC, como torres e a selva, continuam no jogo. Os controles foram adaptados para celulares como é possível ver no vídeo de divulgação.

Apesar da semelhança entre os jogos, Wild Rift e LoL para PC não terão suporte ao multiplayer cross-play — ou seja, não será possível realizar partidas entre PC e mobile. A Riot adiantou que os desenvolvedores estão trabalhando em um suporte multiplataforma entre dispositivos móveis e consoles, mas ainda não possuem nada definido.